(© 1997-2008 by Francisco Panizo Beceiro)

Se você quer uma Ajuda Específica para o seu caso, proceda como indicado:
clique Suporte, e envie a sua dúvida (para cadastrados no CLUBE DO HELP DESK)
ou envie sua dúvida para nosso Super Fórum )

Tudo sobre a categoria mais emocionante dos EUA

Seção EXCEL da abcDICAS.com.br

Protegendo o Conteúdo da Planilha

Em muitas ocasiões nos deparamos com a necessidade de termos um mínimo de proteção para os dados, mas principalmente fórmulas e macros, de nossas mais importantes planilhas. Felizmente o Excel nos coloca à disposição diversos métodos, e níveis, de proteção; use aquele que for mais conveniente para você - e seus usuários.

  1. Senhas de Proteção e Gravação: garante que ninguém possa abrir o arquivo, se não tiver a senha correta em mãos, ou garante que ninguém possa alterar seus dados, e regravar posteriormente o arquivo, se não tiver a senha;
  2. Travando as Células Críticas: evita que o usuário altere dados em células críticas, por erro ou falha; pode ter ou não sua própria senha de bloqueio;

Para a alternativa A, veja a página "Protegendo Planilhas por Senhas" para uma discussão bastante detalhada sobre as possibilidades disponíveis;

Para a alternativa B, veja os detalhes mais abaixo.

O ideal seria que o autor da planilha some as características positivas de cada alternativa, não descuidando das características negativas que advém dos excessos de proteção colocados sem pesar adequadamente todas as possibilidades operacionais.

Alternativa B - Travando as Células Críticas

É importante entender o porque devemos lançar mão do recurso de travamento de parte de uma planilha. O usuário é credenciado para executar o trabalho de atualização da planilha, assim não há razão para impedi-lo de trabalhar na mesma; entretanto por ser um trabalho que pode demandar muita digitação tal planilha pode ficar sujeita a erros operacionais, e que podem causar o apagamento (ou pior: a alteração de fórmulas ou constantes) de dados, fórmulas, e macros, que sejam de difícil reconstituição - ou de difícil auditoria para traçar a ocorrência de erros de modo rápido e transparente.

A tarefa de travar regiões de uma planilha não é essencialmente complexa, porém é necessário compreender certos conceitos, pois senão a ação do responsável pela elaboração da planilha só trará problemas, e com certeza só seguidos aborrecimentos advirão como conseqüência:

  1. Uma planilha só está protegida se houver a definição das células a ficarem desprotegidas / protegidas, e concomitantemente for "ligada" a proteção global;
  2. Deve-se explicitar as células que serão passíveis de alteração - informando ao Excel que estas serão as células NÃO-PROTEGIDAS;
  3. Todas as demais células serão consideradas como PROTEGIDAS, assim que a proteção global for ativada;

Para facilitar o entendimento, vamos utilizar um exemplo prático, que pode ser visualizado na tabela a seguir:

  A B C D E
1 EMPRESA XPTO LTDA
2 Vendas do Trimestre
3 Produto JAN FEV MAR TOTAL
4 Papel 300 200 500 1.000
5 Caneta 35 15 20 70
6 Lápis 40 50 60 150
7 Caderno 15 20 25 60
8 Total 390 285 605 1.280

Definições de Projeto da Planilha de Exemplo:

  • Os meses do último trimestre corrido, estão na linha 3, iniciando na coluna B e indo até a coluna D;
  • Os resultados do trimestre estão calculados na coluna E;
  • Os totais mensais estão calculados na linha 8;
  • As células da região B4:D7 devem sofrem alterações mensais pelo usuário;
  • Todas as demais células devem ficar indisponíveis para o usuário;
  • As fórmulas da linha 8, e também as da coluna E, não mudam, mesmo ao mudar de mês, pois só os valores mudam, as fórmulas não;
  • Uma macro vai cuidar da "rotação" dos meses que são colocados na região B3:D3, não haverá intervenção humana aqui;

Para criarmos a proteção do conteúdo (títulos e sub-títulos, e fórmulas) devemos seguir os passos abaixo:

  1. Com o mouse selecione toda a região a ficar desprotegida, no exemplo a região B4:D7;
  2. Use o menu Formatar | Células;
  3. Clique na aba Proteção;
  4. Vá até a caixa de seleção marcada Travar e deixe-a em branco (isto é "não-travada");
  5. Use o menu Ferramentas | Proteger | Proteger a Planilha;
  6. Se desejado coloque uma senha para proteção adicional (só quem souber a senha poderá retirar a proteção);
  7. Salve a planilha;
  8. Feche a planilha;

Pronto, sua planilha já está protegida internamente.À partir da próxima execução dessa planilha, qualquer tentativa de se alterar e/ou incluir qualquer tipo de informação pelo teclado.

Não deve ser esquecido que, também a planilha onde está a macro que rodará os meses deve ser integralmente protegida, e com a colocação - muito recomendada - de senha para o desbloqueio;

A última definição de projeto - a rotação dos meses - deve ser muito bem analisada; se o responsável entender de fazer o que sugerimos nesta página, então ele deverá colocar no corpo da macro um código adicional, que automaticamente destrave a região dos MESES. Não esquecendo que, com conhecimentos mínimos de programação por macros do Excel, não será possível ter a proteção ativada por senha, já que a macro pedirá para fornecer a senha de proteção, porém não a recolocará ao final do processo. Com isso essa planilha (não as demais - incluindo a da macro) acabará no final do processo, perdendo a proteção da senha;

Para se ativar - na macro - a desproteção inicial - deve-se incluir no seu início o seguinte trecho de código (válido para a versão 7 do Excel):

PlanilhaAtiva.Desproteger
Intervalo("B3:D3).Selecionar
Seleção.Travada = Falso

Para se ativar - na macro - a proteção final - deve-se incluir no seu final o seguinte trecho de código :

Intervalo("B3:D3).Selecionar
Seleção.Travada = Verdadeiro
PlanilhaAtiva.Proteger ObjetosDesenho:=Verdadeiro;
Conteúdo:=Verdadeiro; Cenários:=Verdadeiro

| Home |

Todo o material deste Portal tem copyright by Francisco Panizo,
assim sendo fica proibida sua cópia e reprodução não autorizadas.